para amantes da sociologia
blog de ciências humanas

Vamos pensar um pouco sobre o dia 08 de março... Dia da Mulher

Por: Jeniffer Modenuti

Vamos primeiro aos dados:
# 41.940 casos de mulheres que foram vítimas de alguma forma de agressão física no Estado de Santa Catarina em 2016 - mais de 114 mulheres por dia!

# 2016 também foi o ano que o Estado do Piauí teve 487 vítimas de estupro.
# Ao longo deste mesmo ano, a cada 7 minutos houve uma denúncia ao Disque 180, para relatar casos de violência contra a mulher.
# Nosso país mata, agride, violenta suas mulheres de norte a sul, de todas as classes sociais, de todas as idades. 
# Nosso país é o 5º que mais mata mulheres no mundo.

Não acreditou? Aqui vão alguns prints:

Violência contra a mulher, notícias google.com

Estupros em 2016, notícias google.com

cidadeverde.com



Esse mesmo país deturpa a ideia do que é feminismo. Hoje alunos e alunas me perguntaram 1) se feminista é quem odeia homem, 2) se pra ser feminista ela tem que ser obrigada a ficar sem se depilar, 3) se feminista tem que sair mostrando os peitos na rua, 4) se eu sou feminista, 5) se por ser feminista eu posso namorar, 5) se homem também pode ser feminista.
A minha resposta foi: se você concorda que todos esses números de violência indicam uma situação que está errada, então sim, você é feminista. Se você acredita que mulheres devem ser respeitadas, você é feminista. Se você acredita que ninguém merece ser estuprada, você é feminista. Se você acredita que o ser humano merece respeito, independente do órgão que carrega entre as pernas, ou da roupa que veste, você é feminista. Se você acredita que a mulher deve ter liberdade em andar na rua sem medo, namorar, fazer sexo, trabalhar e fazer suas próprias escolhas, então não há dúvidas que você é feminista.
Se mesmo acreditando em tudo isso, às vezes você tem alguns pensamentos meio machistas... ninguém é perfeito e tudo na vida é um processo de constante melhora, você sempre pode repensar suas atitudes. E definitivamente, ser feminista não é odiar homens!



Este vídeo da PM/SC traz vozes de mulheres que estão em meio a terríveis estatísticas. E para mim ele só mostra o quanto precisamos falar sobre feminismo. Chega de violência contra a mulher. Não é uma questão de privilégios, é por direitos! Não é uma questão de flores, é por respeito!



Nenhum comentário